quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Céus azuis

Céus azuis

É quase certo, que o azul de seus olhos
sejam de pedras preciosas...
Talvez sejam pedaços do céu,
que caíram durante um temporal.

É incerto dizer que tens estrelas neles,
brilhantes e sedutoras faíscas,
fótons de extrema energia!
Mas é junto dizer destes azuis...

Que nenhum eclipse de tristeza,
pode aquebrantar sua beleza,
nem mesmo apagar os seus fios de luz!
Pois, tens cravados diamantes neles...

E na dúvida, o incondicional desejo se aguça,
fitando esse par de céus hipnóticos,
tentando desvendar os segredos contidos neles,
buscando uma verdade que só o Criador conhece!

Ah! Se preciso for, morrerei!
Para com Ele falar,
E, quem sabe, o seu mistério possa me contar...

Mando Mago Poeta 22:28 11/11/2010