sábado, 26 de dezembro de 2009

Aos meus pais

Em cada passo dado nessa vida, desde o primeiro que tentamos,

há a mão amparadora cheia de amor, que nos dá forças e coragem.

Cada som, cada palavra que aprendemos nos transporta ao infinito de possibilidades…

A todo momento nos alimentamos dessa energia que nossos pais nos passam a cada dia,

certos que venceremos qualquer desafio em sua companhia.

Crescemos, e as vezes achamos que somos auto-suficientes,

e largamos as mãos que nos ampararam com desvelo.

Até que o Mundo nos abate, e, novamente somos amparados

pelas mãos sábias de Deus, que se manifesta no amor de Pai e Mãe…

E nas conquistas e glórias, são os primeiros a sorrirem e chorarem de emoção!

Que seria de nós, sem esse mar de amor, que nunca nos afoga, mas alimenta-nos de coragem.

Quem seríamos nós, se fôssemos abandonados e criados pelo “mundo”?

As vezes sinto que não há palavras que descrevam o amor, pois não somos capazes de

explicar esse sentimento em sua plenitude. Ainda que tentemos dizer obrigado, sempre será vago,

ainda que nos esforcemos para agradecer com gestos e carinho, somente conseguimos derramar

lágrimas de sentimentos que somente vocês entendem…

E em cada conquista, assinamos o livro da vida com nosso nome, que é composto

pelos seus… Cada vitória pertence e é fruto do amor que nos dedicam por toda nossa vida!

Mando Mago Poeta 15:36 26/12/2009